10 Motivos para Visitar a Ilha das Couves, o Paraíso de Ubatuba

Ubatuba

A Ilha das Couves é um dos destinos mais procurados por quem visita Ubatuba, no litoral norte de São Paulo.

Trata-se de uma pequena ilha cercada por águas cristalinas, areia branca e muita natureza.

Neste artigo, vamos mostrar 10 motivos para você incluir a Ilha das Couves no seu roteiro de viagem e aproveitar esse paraíso.

1. Fazer um passeio de barco até a ilha

Para chegar à Ilha das Couves, é preciso pegar um barco na Praia de Picinguaba, que fica a cerca de 40 km do centro de Ubatuba.

O trajeto dura cerca de 15 minutos e oferece uma vista deslumbrante da costa e das ilhas vizinhas.

Você pode contratar o serviço de barqueiros locais ou reservar um passeio com agências de turismo.

2. Mergulhar nas piscinas naturais

A Ilha das Couves é um dos melhores lugares para praticar snorkeling em Ubatuba, pois possui piscinas naturais formadas por recifes de corais e rochas.

Nessas piscinas, é possível observar uma grande variedade de peixes coloridos, tartarugas, estrelas-do-mar e outros animais marinhos. Você pode levar o seu próprio equipamento de mergulho ou alugar na ilha.

Leia também

3. Conhecer as duas praias da ilha

A Ilha das Couves possui duas praias: a Praia de Fora e a Praia de Dentro. A Praia de Fora é a mais extensa e movimentada, com cerca de 300 metros de comprimento. Ela tem uma faixa de areia clara e fofa, água transparente e ondas suaves. É ideal para relaxar, tomar sol e nadar.

A Praia de Dentro é menor e mais tranquila, com cerca de 100 metros de comprimento. Ela tem uma faixa de areia mais grossa e escura, água verde-esmeralda e ondas mais fortes. É ideal para surfar, fazer stand up paddle e caiaque.

4. Fazer uma trilha pela mata atlântica

A Ilha das Couves é coberta por uma exuberante vegetação de mata atlântica, que abriga diversas espécies de plantas e animais. Você pode fazer uma trilha de nível fácil que liga as duas praias da ilha, passando por mirantes, cachoeiras e riachos.

A trilha tem cerca de 1 km de extensão e leva cerca de 20 minutos para ser percorrida. É recomendável usar calçados fechados, protetor solar e repelente.

5. Experimentar a culinária caiçara

A Ilha das Couves é habitada por cerca de 30 famílias de pescadores, que mantêm as tradições e a cultura caiçara.

Você pode experimentar a culinária típica da região, que inclui pratos como peixe assado na folha de bananeira, moqueca de camarão, casquinha de siri e bolinho de mandioca.

Você pode comer nos quiosques e restaurantes da ilha ou nas barracas dos moradores, que vendem petiscos e bebidas.

6. Apreciar o pôr do sol na ilha

Um dos momentos mais mágicos na Ilha das Couves é o pôr do sol, que pode ser visto da Praia de Dentro.

O céu se pinta de cores como laranja, rosa e roxo, criando um cenário incrível.

Você pode apreciar o espetáculo da natureza sentado na areia, na água ou em uma pedra. Não se esqueça de levar a sua câmera para registrar esse momento.

7. Acampar na ilha

Se você quiser prolongar a sua estadia na Ilha das Couves, uma opção é acampar na ilha.

Você pode levar a sua própria barraca ou alugar uma na ilha.

Há áreas de camping na Praia de Fora e na Praia de Dentro, com banheiros, chuveiros e energia elétrica.

Você pode acampar durante todo o ano, mas é preciso fazer reserva com antecedência, especialmente na alta temporada.

Acampar na ilha é uma ótima forma de curtir a natureza, o silêncio e o céu estrelado.

8. Fazer um passeio de lancha pela região

Se você quiser conhecer outras ilhas e praias próximas à Ilha das Couves, uma opção é fazer um passeio de lancha pela região.

Você pode contratar o serviço de lanchas na Praia de Picinguaba ou na Ilha das Couves.

O passeio dura cerca de 3 horas e passa por lugares como a Ilha do Prumirim, a Ilha Anchieta, a Praia do Félix e a Praia do Português.

Você pode parar para mergulhar, tirar fotos e apreciar a paisagem.

9. Conhecer a história e a cultura da ilha

A Ilha das Couves tem uma história e uma cultura ricas, que podem ser conhecidas através de seus moradores, suas construções e seus eventos.

  • A ilha foi descoberta pelos portugueses no século XVI e recebeu esse nome por causa da abundância de couves selvagens que havia no local.
  • A ilha foi palco de batalhas entre portugueses e holandeses, de naufrágios de navios negreiros e de contrabando de ouro.
  • A ilha também tem uma forte influência indígena, africana e caiçara, que se reflete em sua arte, música, dança e religião.

Você pode visitar a Capela de Nossa Senhora das Dores, que data de 1850, e participar de festas como a Festa do Divino, a Folia de Reis e a Festa de São Pedro.

10. Se encantar com a beleza e a simplicidade da ilha

O último e principal motivo para visitar a Ilha das Couves é se encantar com a sua beleza e a sua simplicidade.

A ilha é um lugar onde você pode se desconectar da rotina, do estresse e da poluição, e se conectar com a natureza, com a história e com as pessoas.

A ilha é um lugar onde você pode se sentir livre, feliz e em paz.

Conclusão

A Ilha das Couves é um destino imperdível para quem visita Ubatuba.

  • A ilha oferece diversas atrações para todos os gostos e idades, desde passeios de barco e mergulho até trilhas e camping.
  • A ilha é um paraíso que encanta pela sua beleza, sua história e sua cultura.

Se você gostou deste artigo, compartilhe com os seus amigos e planeje a sua viagem para a Ilha das Couves.

Até a próxima!