As dicas de Jessica Watson para quem quer começar a velejar

Velejar é uma atividade que pode trazer muitos benefícios, como contato com a natureza, desafio pessoal, relaxamento e aventura. Mas também requer conhecimento, planejamento e preparação. Se você tem vontade de aprender a velejar, mas se sente perdido ou intimidado, não se preocupe.

Neste post, vamos compartilhar algumas dicas de Jessica Watson, a jovem australiana que realizou o feito incrível de dar a volta ao mundo em um veleiro sozinha aos 16 anos.

Quem é Jessica Watson?

Jessica Watson nasceu em 1993 na Austrália e cresceu em uma família apaixonada por navegação. Aos 11 anos, ela leu o livro de Jesse Martin, outro australiano que circum-navegou o globo aos 18 anos, e se inspirou a fazer o mesmo. Ela começou a planejar sua viagem aos 14 anos, e aos 15, comprou um veleiro de 10 metros chamado Ella’s Pink Lady. Ela passou um ano treinando, estudando e equipando seu barco para a jornada.

Em outubro de 2009, ela partiu de Sydney com o objetivo de completar uma volta ao mundo sem escalas e sem assistência, navegando pelo sul dos oceanos Pacífico, Índico e Atlântico. Ela enfrentou tempestades, ondas gigantes, ventos fortes, problemas técnicos, solidão e críticas de quem duvidava de sua capacidade. Mas ela persistiu e, em maio de 2010, retornou triunfante a Sydney, depois de 210 dias e 23 mil milhas náuticas no mar. Ela se tornou a pessoa mais jovem a realizar essa façanha, embora não tenha sido reconhecida oficialmente pelo Guinness World Records, que não aceita registros de menores de idade.

Depois de sua aventura, Jessica Watson se tornou uma celebridade, uma escritora, uma palestrante motivacional e uma ativista ambiental. Ela também continuou velejando e participou de outras competições e expedições. Em 2011, ela foi condecorada com a Ordem da Austrália, a mais alta honraria civil do país.

Jessica Watson - Filme Destemida
Divulgação/Netflix

As dicas de Jessica Watson para quem quer começar a velejar

Jessica Watson é uma fonte de inspiração e de informação para quem quer se aventurar no mundo da vela. Em seu blog, em seu livro e em suas entrevistas, ela compartilha sua experiência e seus conselhos para quem deseja seguir seus passos. Aqui estão algumas de suas dicas:

1. Tenha um objetivo e um plano

Jessica Watson diz que o primeiro passo para velejar é ter um objetivo claro e um plano detalhado de como alcançá-lo. Ela afirma que seu sonho de dar a volta ao mundo foi o que a motivou a superar os obstáculos e a aprender tudo o que precisava para realizar sua viagem. Ela também diz que planejou cada aspecto de sua jornada com antecedência, desde a escolha do barco, do equipamento, da rota, do orçamento, até a preparação física, mental e emocional.

Portanto, se você quer começar a velejar, defina qual é o seu propósito e o que você quer alcançar com essa atividade. Pode ser algo simples, como fazer um passeio de fim de semana, ou algo mais ambicioso, como cruzar um oceano. Depois, faça uma pesquisa sobre o que você precisa para realizar seu objetivo, e elabore um plano de ação com metas, prazos e recursos.

2. Busque conhecimento e experiência

Jessica Watson ressalta que velejar requer muito conhecimento e experiência, e que é essencial buscar aprender o máximo possível antes de se lançar ao mar. Ela diz que estudou muito sobre navegação, meteorologia, mecânica, eletrônica, primeiros socorros, comunicação, entre outros assuntos relacionados à vela. Ela também diz que praticou muito em seu barco, fazendo viagens curtas e longas, testando seu desempenho e sua resistência em diferentes condições climáticas e marítimas.

Assim, se você quer começar a velejar, procure se informar e se educar sobre os aspectos teóricos e práticos da vela. Você pode fazer cursos, ler livros, assistir vídeos, consultar sites, participar de fóruns, etc. Você também pode procurar oportunidades de ganhar experiência, como se juntar a um clube de vela, alugar um barco, fazer um passeio guiado, ou se oferecer para ser tripulante de alguém mais experiente.

3. Escolha um barco adequado e seguro

Jessica Watson enfatiza que a escolha do barco é fundamental para o sucesso e a segurança de uma viagem de vela. Ela explica que seu barco, o Ella’s Pink Lady, era um modelo antigo, mas muito resistente e confiável, que ela reformou e equipou com o que havia de mais moderno e eficiente em termos de tecnologia e segurança. Ela também diz que cuidou muito bem de seu barco, fazendo manutenções regulares e preventivas, e verificando sempre seu estado e seu funcionamento.

Logo, se você quer começar a velejar, selecione um barco que seja adequado ao seu objetivo, ao seu nível de habilidade, ao seu orçamento e ao seu gosto. Você pode optar por comprar, alugar ou compartilhar um barco, dependendo de sua disponibilidade e de sua frequência de uso. Você também deve equipar seu barco com os itens necessários para sua navegação e sua segurança, como bússola, GPS, rádio, coletes salva-vidas, extintores, etc. Além disso, você deve manter seu barco em boas condições, limpando, lubrificando, consertando e trocando as peças que precisarem.

4. Prepare-se para os desafios e os imprevistos

Jessica Watson destaca que velejar é uma atividade que envolve muitos desafios e imprevistos, e que é preciso estar preparado para enfrentá-los. Ela conta que, durante sua volta ao mundo, ela teve que lidar com situações difíceis, como colisões, avarias, tempestades, piratas, solidão, medo, etc. Ela diz que, para superar esses problemas, ela contou com sua determinação, sua autoconfiança, seu senso de humor, seu apoio familiar e sua equipe de terra.

Portanto, se você quer começar a velejar, prepare-se para os desafios e os imprevistos que podem surgir no mar. Você deve ter um plano de contingência, um kit de emergência, um canal de comunicação e uma rede de apoio. Você também deve ter uma atitude positiva, uma mente aberta e uma capacidade de adaptação. Você deve saber que velejar é uma atividade que exige paciência, persistência e coragem, mas que também traz muitas recompensas e satisfações.

Conclusão

Velejar é uma atividade que pode transformar sua vida, mas que também requer muita preparação e cuidado. Se você quer começar a velejar, siga as dicas de Jessica Watson, a australiana que deu a volta ao mundo em um veleiro aos 16 anos.

Tenha um objetivo e um plano, busque conhecimento e experiência, escolha um barco adequado e seguro, e prepare-se para os desafios e os imprevistos. Assim, você poderá aproveitar ao máximo os benefícios e as aventuras que a vela pode oferecer.

Artigos Relacionados

Napoli FC

Napoli: o campeão italiano que encanta com seu futebol ofensivo

Última atualização on 18/01/2024 by Navegue Temporada
Read More
Bola de futebol parada em um campo de futebol de grama verde.

Os craques que fizeram história no Corinthians

Última atualização on 17/01/2024 by Navegue Temporada
Read More
Bola de futebol parada em um campo de futebol de grama verde.

A história da Fiel Torcida, a mais apaixonada e fiel do Brasil

Última atualização on 17/01/2024 by Navegue Temporada
Read More
Bola de futebol parada em um campo de futebol de grama verde.

Juventus: A história de um gigante

Última atualização on 16/01/2024 by Navegue Temporada
Read More