Navegue Temporada > Eventos > Como Montar um Evento Corporativo de Sucesso

Um evento corporativo é uma ótima oportunidade para fortalecer a imagem da sua empresa, estreitar o relacionamento com os clientes, parceiros e colaboradores, e gerar novos negócios.

Mas como planejar e executar um evento corporativo de sucesso, que atenda aos seus objetivos e supere as expectativas dos participantes?

Neste artigo, vamos compartilhar algumas dicas práticas e eficientes para você montar um evento corporativo memorável, desde a definição do conceito até a avaliação dos resultados. Confira!

Defina o objetivo e o público-alvo do evento

O primeiro passo para montar um evento corporativo é definir qual é o objetivo principal que você quer alcançar com ele. Por exemplo, você pode querer:

  • Lançar um novo produto ou serviço
  • Divulgar a sua marca ou empresa
  • Capacitar ou motivar a sua equipe
  • Celebrar uma conquista ou data especial
  • Networking ou prospecção de clientes
  • Entre outros

O objetivo vai nortear todas as decisões que você tomará ao longo do planejamento e da execução do evento, como o formato, o tema, o conteúdo, o local, a data, o horário, o orçamento, etc.

Além disso, você também precisa definir quem é o público-alvo do seu evento, ou seja, quem são as pessoas que você quer atrair e impactar com ele. Para isso, você pode fazer uma pesquisa de mercado, analisar o perfil dos seus clientes, parceiros e colaboradores, e segmentar o seu público de acordo com critérios como:

  • Idade, gênero, renda, escolaridade, localização, etc.
  • Interesses, necessidades, preferências, dores, etc.
  • Cargo, função, área de atuação, nível de decisão, etc.

Ao conhecer o seu público-alvo, você poderá criar um evento mais personalizado, relevante e atraente para ele, aumentando as chances de sucesso.

Espaço para eventos corporativos em São Paulo
Eventos corporativos, seja para treinamentos, workshops, palestras, convenções, feiras, lançamentos de produtos ou confraternizações.

Escolha o formato e o tema do evento

O próximo passo é escolher o formato e o tema do seu evento corporativo, de acordo com o seu objetivo e o seu público-alvo. O formato é a forma como o evento será realizado, podendo ser:

  • Presencial: o evento acontece em um local físico, com a presença dos participantes.
  • Online: o evento acontece em uma plataforma digital, com a transmissão ao vivo ou gravada dos conteúdos.
  • Híbrido: o evento combina elementos presenciais e online, ampliando o alcance e a interação.

O tema é o assunto central que será abordado no evento, podendo ser:

  • Técnico: o evento foca em aspectos técnicos ou específicos de um produto, serviço, mercado ou área de conhecimento.
  • Educacional: o evento visa transmitir conhecimento, informação ou capacitação aos participantes.
  • Inspiracional: o evento busca inspirar, motivar ou emocionar os participantes, com histórias, cases ou exemplos de sucesso.
  • Entretenimento: o evento tem como objetivo divertir, relaxar ou surpreender os participantes, com atividades lúdicas, artísticas ou culturais.

Ao escolher o formato e o tema do seu evento corporativo, você deve levar em conta:

  • A adequação ao seu objetivo e ao seu público-alvo
  • A disponibilidade de recursos financeiros, humanos e tecnológicos
  • A viabilidade logística, operacional e legal
  • A diferenciação em relação aos eventos concorrentes ou similares

Defina o conteúdo e a programação do evento

Depois de escolher o formato e o tema do seu evento corporativo, você deve definir o conteúdo e a programação do evento, ou seja, o que será apresentado e como será organizado. O conteúdo é o conjunto de informações, dados, ideias, conceitos, argumentos, etc., que serão transmitidos aos participantes, podendo ser:

  • Palestras: exposições orais sobre um determinado assunto, realizadas por um ou mais palestrantes, com ou sem interação com o público.
  • Workshops: oficinas práticas sobre um determinado assunto, realizadas por um ou mais facilitadores, com a participação ativa do público.
  • Painéis: debates sobre um determinado assunto, realizados por um ou mais mediadores e um ou mais convidados, com ou sem interação com o público.
  • Cases: apresentações de casos de sucesso ou de fracasso, realizadas por um ou mais protagonistas, com ou sem interação com o público.
  • Entre outros.

A programação é a forma como o conteúdo será distribuído ao longo do tempo, podendo ser:

  • Linear: o evento segue uma sequência lógica e cronológica, com um início, um meio e um fim;
  • Modular: o evento é dividido em módulos ou blocos temáticos, que podem ser assistidos em qualquer ordem ou combinação;
  • Paralelo: o evento oferece várias opções de conteúdo simultâneas, que podem ser escolhidas pelos participantes de acordo com o seu interesse ou disponibilidade.

Ao definir o conteúdo e a programação do seu evento corporativo, você deve levar em conta:

  • A relevância e a qualidade das informações, dados, ideias, conceitos, argumentos, etc.;
  • A coerência e a consistência entre o conteúdo e o tema do evento;
  • A credibilidade e a autoridade dos palestrantes, facilitadores, mediadores, convidados, protagonistas, etc.;
  • A clareza e a objetividade da comunicação, evitando termos técnicos, jargões ou ambiguidades;
  • A interatividade e a engajamento dos participantes, estimulando a participação, o feedback, o compartilhamento, etc.;
  • A duração e a frequência do evento, evitando sobrecarregar ou entediar os participantes.

Escolha o local e a data do evento

O passo seguinte é escolher o local e a data do seu evento corporativo, de acordo com o seu formato e o seu público-alvo. O local é o espaço físico ou digital onde o evento será realizado, podendo ser:

  • Auditório: um espaço fechado, com cadeiras ou poltronas, palco, iluminação, som, telão, etc., adequado para eventos presenciais com grande número de participantes e pouca interação;
  • Sala: um espaço fechado, com mesas, cadeiras, quadro, projetor, etc., adequado para eventos presenciais com pequeno ou médio número de participantes e alta interação;
  • Hotel: um espaço que oferece infraestrutura completa, com hospedagem, alimentação, lazer, etc., adequado para eventos presenciais de longa duração ou que envolvam deslocamento;
  • Plataforma: um espaço virtual, que oferece recursos como vídeo, áudio, chat, enquete, etc., adequado para eventos online ou híbridos, com participantes de diferentes localidades.

A data é o dia ou o período em que o evento será realizado, podendo ser:

  • Fixa: o evento acontece em uma data específica, que pode coincidir ou não com alguma data comemorativa, feriado, etc.;
  • Flexível: o evento acontece em uma data aproximada, que pode variar de acordo com a disponibilidade, a conveniência, etc.;
  • Recorrente: o evento acontece em uma data periódica, que pode ser semanal, mensal, anual, etc.

Ao escolher o local e a data do seu evento corporativo, você deve levar em conta:

  • A adequação ao seu formato e ao seu público-alvo
  • A disponibilidade e a acessibilidade do espaço físico ou digital
  • A capacidade e a segurança do espaço físico ou digital
  • A compatibilidade e a funcionalidade dos equipamentos e serviços
  • A antecedência e a divulgação da data do evento
  • A concorrência e a sazonalidade da data do evento

Defina o orçamento e os patrocinadores do evento

O penúltimo passo é definir o orçamento e os patrocinadores do seu evento corporativo, de acordo com o seu objetivo e o seu conteúdo. O orçamento é o valor estimado ou real que você gastará ou receberá com o evento, podendo ser:

  • Custo: o valor que você gastará com o evento, incluindo despesas como aluguel, equipamentos, materiais, pessoal, divulgação, etc.;
  • Receita: o valor que você receberá com o evento, incluindo receitas como inscrições, vendas, doações, etc.;
  • Lucro: o valor que você obterá com o evento, subtraindo o custo da receita.

Os patrocinadores são as empresas ou instituições que apoiam financeiramente ou materialmente o seu evento, em troca de benefícios como divulgação, exposição, relacionamento, etc. Os patrocinadores podem ser:

  • Diretos: os que contribuem com uma quantia em dinheiro para o seu evento, geralmente em troca de uma cota de patrocínio, que pode incluir a inserção da sua marca em materiais, mídias, espaços, etc.;
  • Indiretos: os que contribuem com produtos, serviços, infraestrutura, etc., para o seu evento, geralmente em troca de uma permuta, que pode incluir a divulgação da sua marca ou a participação no seu evento.

Ao definir o orçamento e os patrocinadores do seu evento corporativo, você deve levar em conta:

  • A estimativa realista e detalhada dos custos e das receitas do seu evento, considerando possíveis imprevistos, descontos, etc.;
  • A busca por fontes de financiamento alternativas, como editais, leis de incentivo, crowdfunding, etc.;
  • A prospecção e a negociação com potenciais patrocinadores, apresentando uma proposta de valor clara e atrativa, que mostre os benefícios e os retornos do seu evento;
  • A prestação de contas e o agradecimento aos patrocinadores, demonstrando os resultados e os impactos do seu evento.

Avalie os resultados e o feedback do evento

O último passo é avaliar os resultados e o feedback do seu evento corporativo, de acordo com o seu objetivo e o seu público-alvo. Os resultados são os indicadores quantitativos ou qualitativos que medem o desempenho e o sucesso do seu evento, podendo ser:

  • Alcance: o número de pessoas que tiveram contato com o seu evento, seja presencialmente, online ou por meio de mídias;
  • Participação: o número de pessoas que se inscreveram, compareceram ou interagiram com o seu evento, seja presencialmente, online ou por meio de mídias;
  • Satisfação: o grau de contentamento ou de fidelização dos participantes com o seu evento, medido por meio de pesquisas, avaliações, depoimentos, etc.;
  • Conversão: o número de pessoas que realizaram uma ação desejada após o seu evento, como comprar um produto, contratar um serviço, se tornar um cliente, etc.;
  • Retorno sobre o investimento (ROI): o valor que você obteve com o seu evento, dividido pelo valor que você investiu no seu evento, multiplicado por 100.

O feedback é a opinião ou a sugestão dos participantes, dos patrocinadores, dos palestrantes, da equipe, etc., sobre o seu evento, podendo ser:

  • Positivo: o feedback que elogia, reconhece ou recomenda o seu evento, destacando os pontos fortes, os diferenciais ou os benefícios do seu evento;
  • Negativo: o feedback que critica, reclama ou desaprova o seu evento, apontando os pontos fracos, os problemas ou as insatisfações com o seu evento;
  • Construtivo: o feedback que orienta, sugere ou propõe melhorias para o seu evento, indicando os pontos de melhoria, as oportunidades ou as soluções para o seu evento.

Ao avaliar os resultados e o feedback do seu evento corporativo, você deve levar em conta:

  • A definição prévia dos indicadores e dos métodos de coleta, análise e apresentação dos dados, usando ferramentas como planilhas, gráficos, relatórios, etc.;
  • A aplicação de pesquisas de satisfação, de avaliação ou de feedback, usando ferramentas como formulários, enquetes, questionários, etc.;
  • A comparação dos resultados obtidos com os objetivos esperados, verificando se o seu evento atingiu ou superou as metas estabelecidas;
  • A identificação dos pontos fortes e dos pontos fracos do seu evento, reconhecendo os acertos e os erros cometidos, e os fatores que influenciaram o seu desempenho;
  • A elaboração de um plano de ação para aprimorar o seu evento, definindo as ações, os responsáveis, os prazos, os recursos, etc., para implementar as melhorias sugeridas.

Conclusão

Montar um evento corporativo de sucesso requer planejamento, organização, execução e avaliação. Seguindo as dicas que compartilhamos neste artigo, você poderá criar um evento memorável, que atenda aos seus objetivos e supere as expectativas dos participantes.

Se você gostou deste conteúdo, compartilhe com os seus amigos nas redes sociais. E se você quer saber mais sobre como montar um evento corporativo de sucesso, entre em contato conosco. Somos uma empresa especializada em eventos corporativos, e podemos ajudar você a realizar o seu evento dos sonhos. 😊

FAQ - Perguntas frequentes

1. Como posso alugar um barco com a Navegue Temporada?

Primeiramente, acesse nosso site e explore nossa frota de barcos.

Em seguida, utilize os filtros para encontrar o barco ideal para você, considerando o tipo de barco, tamanho, preço, local e se você precisa de um marinheiro.

Em terceiro lugar, entre em contato pelo WhatsApp e nos informe a sua escolha.

Logo depois, efetue o pagamento online com segurança e receba a confirmação da sua reserva.

2. Quais são os tipos de barcos disponíveis para aluguel?

Nós, sem dúvida, oferecemos uma grande variedade de barcos para todos os gostos e bolsos, incluindo:

  • Lanchas: certamente ideais para passeios rápidos e esportivos.
  • Veleiros: decerto perfeitos para quem busca uma experiência relaxante e romântica.
  • Iates: inegavelmente luxuosos e confortáveis.
  • Escunas: de fato, ótimas para grupos grandes e festas.
  • Catamarãs: espaçosos e estáveis, com toda a certeza ideais para famílias com crianças.

3. Quais são os destinos mais populares para aluguel de barco?

4. Quais são os serviços inclusos no aluguel de um barco?

Os serviços inclusos no aluguel de um barco certamente variam de acordo com o tipo de barco e o pacote escolhido. Em suma, os serviços inclusos podem ser combustível, marinheiro, equipamentos de segurança e limpeza do barco.

5. Quais são os preços para alugar um barco?

Os preços para alugar um barco inegavelmente variam de acordo com o tipo de barco, tamanho, época do ano e duração do passeio. Você pode, de fato, consultar os preços em nosso site ou entrar em contato conosco para solicitar um orçamento.

6. O que devo levar em consideração ao escolher um barco para alugar?

Ao escolher um barco para alugar, você, sem dúvida, deve considerar:

  • O tipo de passeio que você deseja fazer: Se você quer um passeio rápido e esportivo, com toda a certeza uma lancha é ideal. Em resumo, se você busca uma experiência relaxante e romântica, um veleiro é perfeito.
  • O número de pessoas que irão participar do passeio: Certifique-se de decerto escolher um barco com capacidade suficiente para todos os seus convidados.
  • O seu orçamento: Os preços para alugar um barco certamente variam de acordo com o tipo de barco e o pacote escolhido.
  • A época do ano: Em síntese, os preços podem ser mais altos durante a alta temporada.

7. Quais são as formas de pagamento?

Antes de tudo, entre em contato para saber mais informações sobre as formas de pagamento.

8. Como posso cancelar ou alterar minha reserva?

Antes de mais nada, entre em contato para saber mais informações sobre como cancelar ou alterar a reserva.

9. Como posso entrar em contato com a Navegue Temporada?

Você certamente pode entrar em contato conosco através dos seguintes canais: